top of page
  • Foto do escritorWalter Westphal

Josef Newgarden vence as 500 Milhas de Indianápolis


Divulgação
Divulgação

O calendário da Indy trouxe esse final de semana as 500 milhas de Indianápolis. Considerada uma das mais tradicionais corridas do planeta, é à tríplice coroa do automobilismo ao lado dos gps de Mônaco (F1) e 24 horas de Le Mans.

Às 500 milhas são a principal prova do campeonato da Indy Car no Indianápolis motor speedway nos EUA. O circuito foi construído em 1909. O evento é marcado nas proximidades do "Memorial Day", um feriado norte americano em memória dos combatentes mortos em combate.

Indianápolis tem 2,5 milhas, é um retângulo com os vértices arredondados com dimensões que permanecem inalteradas desde a sua criação.

Tem o banking (inclinação) de 9° com raio de 0,16 milhas chegando a um total de 2,5 milhas. Põe tradição o grid tem 33 carros alinhados em 11 filas de 3 carros e o vencedor comemora a vitória tomando leite e não champagne.

A corrida teve 200 voltas com pole de Scott Mc Laughlin. Seu início foi adiado em 4 horas por causa das fortes chuvas na região. Após isso e cerimônia de abertura, foi dada a largada para a 108 edição da Indy.

Durante a prova foram 8 bandeiras amarelas e vários abandonos por quebra de motor. Muita disputa, emoção e adrenalina durante 4 horas de corrida.

Os brasileiros não tiveram sorte nesta prova. Pietro Fittipaldi foi tocado e abandonou a corrida. Hélio Castroneves andou bem, esteve no pelotão intermediário mas fechou a corrida em 20° lugar.

No sprint final uma disputa sensacional. Nas últimas voltas, Pato O. Ward e Josef Newgarden travaram uma batalha pela liderança. Em uma manobra espetacular, Newgarden assumiu à liderança vencendo às 500 milhas de Indianápolis.

O piloto fatura um prêmio de U$ 3,1 milhões.

A Indy volta às pistas dia 2 de junho com o Gp de Detroit.


Divulgação
Divulgação

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page