top of page
  • Foto do escritorWalter Westphal

Mais três pilotos definem equipes para 2023

Atualizado: 2 de fev. de 2023

Depois dos anúncios de Fernando Alonso (Aston Martin), Yuki Tsunoda (Alpha Tauri), Oscar Piastri (Mc Laren), Alex Albon (Williams) e o brasileiro Felipe Drugovich (Piloto de testes da Aston Martin), mais 3 pilotos foram confirmados para a temporada 2023 da fórmula 1.  São eles :  Guanyu Zhou (Alfa Romeo), Pierre Gasly (Alpine) e Nyck de Vries (Alpha Tauri).


Guanyu Zhou

Guanyu Zhou - divulgação

O piloto Guanyu Zhou renovou seu contrato com a equipe Alfa Romeo para temporada 2023. Fará dupla com Valtteri Bottas. Ele é o primeiro chinês a correr na F1 e investe cerca de 25 milhões de dólares em patrocínios. Zhou nasceu em 30 de maio de 1999 na China. Competiu no campeonato italiano de fórmula 4 e na Adac F4 pela Prema Powerteam e no campeonato Europeu de F3 da FIA pela motopark em 2016 e pela Prema em 2017. Entre 2018 e 2019 também foi piloto de desenvolvimento para a equipe de fórmula E da DS Techeetah. Em dezembro de 2018 ingressou na F2 na Uni Virtus Racing para o campeonato da FIA. Fez também parceria na F2 com o brasileiro Felipe Drugovich. Foi membro da ferrari driver academy entre 2014 e 2019 quando mudou para a Renault Sport Academy. Em 2021 atuou como piloto de testes da equipe de fórmula 1 Alpine. Em 16 de novembro de 2021 foi anunciado como piloto da equipe Alfa Romeo.


Pierre Gasly

Pierre Gasly - divulgação

A equipe Alpine oficializou o jovem piloto Pierre Gasly como reforço para temporada 2023. Ele fará dupla com Esteban Ocon. Nascido em 7 de fevereiro de 1996 na França o piloto deixa a equipe Alpha Tauri. Tem no total 104 gps disputados, 1 vitória, 3 pódios, 332 pontos e 3 voltas mais rápidas. Pierre disputou e foi vice campeão da fórmula renault 3.5 series em 2014 quando foi contratado pela equipe Arden no âmbito do programa Red Bull Junior Team. Gasly também venceu a temporada de 2016 da GP 2 series pilotando para a equipe Prema Racing. Foi piloto reserva da Red Bull nas temporadas de F1 entre 2015 e 2017. Fez sua estréia na F1 no GP da Malásia de 2017 pela equipe Toro Rosso. Em 12 de novembro de 2019 a Toro Rosso anunciou a permanência de Gasly na equipe que foi rebatizada para Alpha Tauri. Até fez história na equipe e conquistou sua primeira vitória no GP da Itália. Em 2023 a Alpine oficializa seu contrato por vários anos.


Nyck de Vries

Nick de Vries - divulgação

O jovem piloto nerlandês nascido em 6 de fevereiro de 1995, piloto reserva da equipe Mercedes, foi oficializado como reforço para temporada 2023 na equipe Alpha Tauri. Estreou na fórmula 1 em setembro de 2022 na equipe Williams substituindo Alex Albon que teve uma crise de apendicite e marcou pontos. Tem 1 GP disputado e 2 pontos na F1. De Vries venceu o campeonato mundial de Kart em 2010 e 2011. Também a Fórmula Renault 2.0 Alpes e a Eurocopa de Formula Renault 2.0 em 2014 e o campeonato de F2 da FIA em 2019. Ele foi gerenciado por Anthony Hamilton (pai de Lewis Hamilton) e foi integrado ao programa jovens pilotos da Mc Laren em 2010. Em 2018 ingressou na Audi Sport Racing Academy e deixou o programa de jovens pilotos da Mc Laren para se concentrar em suas funções na Audi. Em 11 de setembro de 2019 foi anunciado piloto da equipe Fórmula E (Mercedes EQ FE Team) ao lado de Stoffel Vandoorne onde permaneceu na equipe para às temporadas de 2020/2021 e 2022. Em 2022 foi contratado como piloto reserva da equipe Mercedes na F1. Em 7 de outubro de 2022 foi anunciado como piloto da equipe Alpha Tauri para temporada 2023.


3 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments

Rated 0 out of 5 stars.
No ratings yet

Add a rating
bottom of page